Regressos


Regressar ao blog

O último post tem mais de um ano. Sinto-lhe a falta mas falta-me o tempo e a disponibilidade que gosto de dedicar aos meus projetos.

Mas sinto-lhe a falta porque os outros meios que uso (facebook e Instagram) não me dão a mesma satisfação que o blog me dá. A possibilidade de contar uma história (ainda que principlamente com fotografias) num blog não encontro nos outros meios.

Regressar a Itália

A última semana de Agosto foi passada em Itália, mais precisamente em Turim, com passagens por Veneza e Verona.

Umas férias diferentes. Em família. Família alargada. Fomos 9 :) E foi muito bom!

1-DSC_5605.JPG

Num dos últimos dias em Turim, a manhã foi passada no Parco del Valentino, repleto de esquilos bastantes habituados aos humanos.

Confesso que me perco com estes miúdos simpáticos!

1-DSC_5353.JPG

1-DSC_5243

1-DSC_53601-DSC_52841-DSC_52791-DSC_52401-DSC_52761-DSC_51331-DSC_5170-0011-DSC_53471-DSC_5229

1-DSC_51791-DSC_51781-DSC_5378.JPG

Não são irresistíveis?

Voltarei com mais fotografias desta viagem. Veneza foi uma surpresa muito boa!

 

 

 

#ourplanetdaily #awakethesoul #wondermore #roamtheplanet #wildernessculture #watchthisinstagood #theglobewanderer #wanderout #moodygrams #exploremore #Modernwild #livefolk #takemoreadventures #artofvisuals #visualsoflife #discoverearth #exploretocreate #modernwild #agameoftones #themoderndayexplorer#folkscenery #folkgreen #visualsofearth #featurecollective #modernoutdoors#instagood #theoutdoorfolk #takemoreadventures #thegreatoutdoors

{ Max Ellis }


Descobri as fotos de Max Ellis no Panda bored, e, tal como eles, fiquei apaixonada pela série de fotos dos esquilos. Uma série de fotos tiradas a esquilos, que Max Ellis atrai com comida e brinquedos, para conseguir obter o resultado desejado: “poses” e “representações” espectaculares.

2082757878531a5a8b2a1ff5.73161196wildlife-photography-squirrels-max-ellis-20__880wildlife-photography-squirrels-max-ellis-1__880

wildlife-photography-squirrels-max-ellis-2__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-3__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-8__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-9__880 1059061452527ab18fb2b982.05824944wildlife-photography-squirrels-max-ellis-10__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-11__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-12__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-14__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-17__880 wildlife-photography-squirrels-max-ellis-19__880

153980674352fd5972b38494.76623472

Nem imagino as horas que passa a preparar cenários, a tentar atrair os esquilos e à espera do momento certo para a foto perfeita.

Explorem um pouco o diário fotográfico de Max Ellis no blipfoto. Além de fotos de esquilos e outros animais, tem um leque de fotografias fabuloso e diversificado. Percam-se na forma como capta pessoas, animais e situações.

{ Feira da Ladra || Lisbon Flea Market }


No último sábado apeteceu-me fazer um pouco de turismo na minha cidade. Entrei no eléctrico 28 e subi à Feira da Ladra.

Num sábado, e se querem mesmo entrar no 28, aconselho a fazerem o que eu fiz. Vão apanhá-lo no início da Calçada do Combro. A partir do Largo Camões torna-se tarefa difícil, com filas intermináveis de turistas nas paragens…

O passeio no eléctrico, só por si, já vale a pena. As ruas e ruelas apertadas por onde passa e as vistas deslumbrantes sobre o Tejo são motivo mais do que suficiente para deixar o carro à porta de casa e dar uso ao passe.

Quanto à Feira da Ladra… Um passeio irresistível. Há sempre tantas peças que gostava de trazer comigo e outras tantas que simplesmente me fazem sorrir. Num dia de sol maravilhoso como o de sábado, sabe sempre bem um passeio destes.

1534687_806636802698448_633281437_o 1654685_806636852698443_129041821_o 1909192_806636806031781_359645741_o 1909343_806636849365110_917591761_o 1911207_806637316031730_1048242971_o 1913238_806636809365114_1029246094_o 1939540_806637016031760_257777439_o 1614163_806637009365094_874391192_o1939935_806636932698435_602291519_o 1962462_806637252698403_651500962_o 1973413_806636659365129_1630947910_o 1957686_806249256070536_1433363121_o 1973190_805593449469450_181934900_o

Há quanto tempo não passam pela Feira da Ladra?

O regresso, para mim, é sempre feito a pé, passando pela Cerca Moura, passeando por Alfama e acabo sempre por descobrir novas ruas.
1264128_806637336031728_149054289_o 1529979_806638189364976_1049675906_o 1622476_805565659472229_1968925284_o 1960768_806638226031639_492237219_o 1962524_806638036031658_1750178584_o 1978601_806638222698306_2100659692_o

Ir de 28, tem sempre um risco implícito. Quando vinha para baixo a pé, deparei-me com este cenário. Alguém com pouco bom senso e muito pouco respeito, provocou a paragem de cerca de 15 eléctricos…1150687_806637759365019_1497363421_o

1015851_806638126031649_306039378_oO passeio terminou na agradável esplanada do Chão de Loureiro, mais uma vez com uma vista fenomenal e com a Jane Austeen a fazer-me companhia num Ginger Ale ;)

 

 

{Post agendado}

 

 

{ Imprevistos }


Ontem, à hora de almoço, com uma valente dor de cabeça, decidi sair para apanhar ar e desfrutar do magnífico sol que batia na minha secretária.
A única coisa que levei foi a máquina fotográfica (mal saí do edifício chateei-me comigo mesma por não me lembrar dos óculos de sol! mas não voltei a trás).
Decidi meter-me por ruas onde ainda não tinha passado e fui dar a um pequeno espaço verde, escondido nas traseiras de vários prédios e perdi-me um pouco por lá…

{Fotos: Sol de Dezembro}

Gosto destas surpresas. De descobrir recantos quase secretos. Um bom imprevisto para animar o dia!