Comer melhor


A troca de um presente de Natal, levou-me a adquiri o livro da Joana Alves, autora do delicioso blogue Le Passe Vite, que sigo há bastante tempo – Natural, O grande livro da cozinha vegetariana.

12509675_1215883315107126_4094266260382715663_n

A minha curiosidade por alimentos diferentes acabou por ser aguçada por este livro.

Quinoa, cânhamo (sem quaisquer efeitos estranho, escusam de estar com ideias), bulgur e germinados passaram a habitar a minha despensa.

Não sou, nem tenciono tornar-me, vegetariana. Gosto muito de um bom bife de vaca quase em sangue (apesar de ser cada vez mais raro comer um). A ideia passa apenas por melhorar a minha alimentação. Evitar cada vez mais os limentos processados e aqueles produtos que sabemos desde sempre que são péssimos para a saúde.

Lembro-me de ter lido por aí qualquer coisa como “se tem rótulo, não compres”. Claro que continuo a comprar muitos alimentos com rótulos, mas opto por aqueles que têm uma lista de ingredientes que consigo ler e, de preferência, com o menor número possível de ingredientes…

Outra excelente compra que fiz foi um esperalizador, que me permite transformar alguns vegetais num género de noodles e que dá outra graça aos pratos que vão para a mesa:

1-1-DSC_1984-002.JPG

Hoje o almoço foi diferente, colorido e bem saboroso. Noodles de vegetais (cenoura, rábano e courgete), com algas wakame (depois de as hidratar), uma mistura de cogumelos, numa cama de bulgur, e salpicado com sementes de sésamo negras e sementes de girassol.

1-DSC_01761-DSC_01811-DSC_0165

As algas desidratadas pareciam cinzas pretas e rapidamente se transformaram num luxuriante verde com sabor a mar1-DSC_0167

Bom domingo

Advertisements

{ Uma salada diferente }


Este fim de semana experimentamos fazer uma salada diferente…

Diferente, essencialmente, pela forma de servir.

Uma combinação de alfaces, coentros e agrião serviu de aconchego a pedaços de pepino (sem as sementes), salmão, atum e mozarela.

A salada foi servida em pequenas taças criadas por nós, usando tortillas de milho, que tostamos no forno com azeite, sal marinho e alecrim. Ficam estaladiças e são perfeitas para servir a salada!

picmonkey_image

{ Pizzaria do Bairro }


A Pizzaria do Bairro fica na zona dos Cais do Sodré e serve das melhores pizzas que tenho comido…20140803_140639Paragem obrigatória no regresso de cada passeio de bicicleta, afinal é preciso algum combustível para os km feitos ;)20140803_133929 20140803_141305 20140803_141325 20140803_135258O Pizzaiolo é de uma simpatia imensa e está sempre pronto a aceitar sugestões para as próximas receitas. E ontem soubemos de algumas novidades que vêm aí ;)
20140803_141715

Te mereces este mojito y ¡este descargable!


Mojito de Melancia…

muymolon

¡El mojito! Mi bebida favorita del verano y la de muchos de los que andan por el estudio, que lo sé de buena tinta. Tan fresquito y tan dulce. Y si ya es de fruta como sandía ni te digo. Así que para animar las tardes con amigos y las noches de fiesta de este verano hoy os traigo una receta buenísima con todos los pasos de cómo hacer un buen mojito y un descargable para que además de rico quede bien bonito.

titulo_01

Ingredientes que vas a necesitar para un mojito de sandía:

  • 1 lima
  • 1 trozo de Sandía
  • 1 rama de hierbabuena
  • 2 chupitos de ron
  • 3 cucharadas de azúcar moreno
  • Hielo picado
  • Soda

Y como aparatejos necesitas:

  • 1 mortero especial para mojitos
  • 1 vaso ancho
  • 1 coctelera

montaje_02

Paso 1. Limpia  la hierbabuena. Separa las hojas de las ramas y reserva una ramita para más tarde para decorar.

montaje_03

Paso 2. Corta…

View original post 273 more words