{ Dear Santa… }


Querido Pai Natal,

Sei que me dás ouvidos. Pelo menos na última vez que te escrevi, resultou. Não que eu tivesse dúvidas sobre a tua existência e simpatia, mas não pensei que fosse assim tão rápido…

Sei que nesta altura andas demasiado ocupado mas, mais uma vez, não custa tentar. Se quiseres até podes deixar passar a azáfama do Natal. Não há pressas.

Mas a verdade é que gostava mesmo de conseguir captar muitos dos momentos e locais que me passam à frente dos olhos e que por estar mais escuro ou um bocadinho mais longe não consigo captar a não ser na memória (que também já começa a escassear, mas isso é outra conversa…). Por isso, se tinhas dúvidas, ficas a saber que uma das coisas que me deixaria mesmo era uma máquina a sério (não desfazendo a que me trouxeste em Fevereiro, mas sabes que não é o mesmo…).

Já sabes que as bolachinhas e o copo de leite ficam à tua espera ao lado do aquecedor a óleo (não há lareira…) na tua noite especial.

Escusado dizer que me vou portar muito bem no próximo ano!

Um abraço apertado e Feliz Natal!

You're saying

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s