{ Entre Tanto… Fomos à Embaixada }


Na passada semana abriu um novo espaço no Príncipe Real. Chama-se Entre Tanto e trata-se de uma galeria comercial que reúne uma variedade de marcas de moda e design.

DSCF7974

DSCF7963 DSCF7967 DSCF7969 DSCF7972 Para quem já conhece a Embaixada, na mesma zona, o conceito é parecido. Apesar do espaço da Embaixada ser, na minha modesta opinião, mais bonito e muito mais apelativo!
DSCF7975 DSCF7977 DSCF7978 DSCF7979 DSCF7986 DSCF7987 DSCF7988 DSCF7989

É tão bom ver a recuperação deste (e de outros) bairro de Lisboa. Cada um com o seu espaço, o seu conceito e o seu público.

{Post agendado}

{ ♡♡♡ }


Num percurso fora do habitual, avistámos um grupo de burros. E eu não resisto a este animal. Têm um olhar tão doce, com aquelas pestanas enormes… Claro que parámos o carro e fomos por um caminho de terra lama ter com eles:DSCF7943-001 DSCF7944-001 DSCF7945-001 DSCF7949-001Estes dois estiveram o tempo com estas demonstrações de carinho :)DSCF7946-001 DSCF7947-001 DSCF7948-001DSCF7950-001 DSCF7951-001Trata-se de uma espécie em vias de extinção, os Burros lanudos. O local, a visitar com mais calma e menos lama, é a Quinta do Pisão. DSCF7961-001Nos segundos e quartos domingos do mês podemos colher e comprar produtos biológicos e certificados.

E existem outros animais, para além dos burros lanudos, como cavalos, ovelhas e borregos. Podem, ainda, avistar-se águias-de-asa-redonda, coelhos-bravos, perdizes-vermelhas, peneireiros ou garças-reais.

Vale bem a pena o desvio do passeio habitual para visitar este espaço.

{ Street artists #1 }


Quem passa na zona do Jardim do Tabaco não pode ficar indiferente ao trabalho fabuloso que resultou de uma parceria entre Vhils e Pixel Pancho.

Nem vale a pena tentar fazer a distinção entre graffitis que simplesmente vandalizam a propriedade privada (e pública) e verdadeiras obras de arte, feitas e expostas com autorização e que trazem uma mais valia para as paredes da cidade!

Passem por lá para confirmar e vejam as páginas dos artistas: Vhils e Pixel Pancho.20140323_104640-001 20140323_104643-001 20140323_104743-001 20140323_104743-001 20140323_104743-002 20140323_104743-003

20140323_104834-00120140323_104856-00120140323_104937-001

20140323_104922-001 PicMonkey Collage20140323_105005-001

{ Back to Copenhagen #9: O Hotel }


Das 5 vezes que fui a Copenhaga optei sempre por não repetir o hotel, excepto desta vez…

O Hotel, a 5 minutos a pé do local da reunião e bem no centro da cidade, chama-se Best Western Hotel City. É um hotel simpático, com algumas peças de designers nórdicos, como esta linda Swan, que se destaca numa área de estar comum.396658_542184595810338_1246238588_nOs quartos e corredores dos diferentes pisos têm enormes fotos a preto e branco de ícones do jazz, estilo musical que acompanha o pequeno almoço.  8798_541424839219647_224660339_n 198383_542183029143828_1725246004_n 305534_540817475947050_1753784876_n 378874_542184502477014_1723106515_n 430767_541424905886307_1279059301_n 480865_542184545810343_1373878881_n 1798808_798174080211387_90951895_n 1924859_798194573542671_834242623_n

A fonte/lago na entrada vai variando o seu ocupante… desta vez um patinho de borracha amarelo, da outra vez era um azul :)1653401_798376800191115_1945078510_n

O que me fez voltar a este hotel foi uma coisa tão simples como… o chá! Na minha primeira ida a Copenhaga fiquei aqui e, ao pequeno almoço bebi um maravilhoso chá de alfazema e camomila. Distraída como sou, não fixei a marca. Desta vez voltei lá para o beber novamente. A marca, essa veio comigo: The London Tea Company.

E assim, acho que acabo os posts sobre Copenhaga (pelo menos por enquanto ;) )

{Post agendado}